Rio festeja 100 anos de Portinari

A governadora Benedita da Silva anuncia hoje, na PUC do Rio, a programação de centenário de nascimento do pintor Candido Portinari. Haverá mostras (no metrô e em estações de trem), além de ações nas escolas da rede estadual. A Fundação Portinari, que cuida do acervo e da memória do pintor, também programa uma série de atividades para o centenário - incluindo uma grande retrospectiva no Museu Nacional de Belas Artes -, mas que ainda depende de patrocínios. Portinari nasceu em Brodowski, em 1903, e morreu no Rio, em 1962, como o artista brasileiro mais valorizado do mercado de artes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.