Rio+20 motiva produção de séries na Globo

A convite de Luiz Lara, Dalton Pastore e Luiz Fernando Vieira, presidente do Grupo de Mídia de São Paulo, Luciano Huck participa do painel "As novas tecnologias e as novas fronteiras da mídia" no 5.º Congresso Brasileiro da Indústria da Comunicação, dia 29 de maio, em São Paulo.

O Estado de S.Paulo

27 de abril de 2012 | 03h10

O estupro que não foi estupro, segundo os dois envolvidos na suspeita, durante o último BBB, volta a incomodar a Globo. Agora é o Ministério Público Federal em São Paulo que ajuíza ação civil pública contra a emissora e a União.

O MPF pede liminar "para que a emissora deixe de transmitir durante o Big Brother Brasil, seja em TV aberta ou em TV a cabo ou por qualquer outro meio, cenas que possam estar relacionadas, mesmo que em tese, à prática de crimes".

O MPF solicita ainda que a Globo seja obrigada a divulgar campanha de conscientização sobre os direitos da mulher.

Um canal poderá transferir a outro canal do mesmo grupo as cotas de produção nacional exigidas pela nova lei da TV paga, mas a migração implicará acréscimo de 50% sobre o volume transferido.

O Acústico Arnaldo Antunes enfim chega à tela da MTV em 3 de maio, às 21 h. Gravado no fim de 2011, o show ganha versão em DVD, CD e Blu-Ray no mesmo dia.

Vitor Belfort, em alta pelo ibope das lutas de MMA, protagoniza novo filme da campanha Eu sou 12 por 8 - Eu quero viver mais, da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

O Museu do Futebol inaugura série sobre museus que estreia dia 8 de maio na TV Brasil.

E estreia amanhã, na MixTV, canal do grupo Objetivo, o programa Simulado, sobre profissões e novas carreiras. Às 22 h.

Em estúdio do Projac, em Jacarepaguá, Ivete Sangalo estuda o texto de Maria Machadão, sua personagem na mininovela Gabriela, que a Globo produz para junho. À sua frente, a farta mesa do café da manhã do Bataclã, cabaré de Ilhéus onde Machadão coordena um time de belas moças, todas prontas para afagar os coronéis do pedaço.

"Não vim com aquele cabelo. Acabei de acordar. Meu cabelo é bem ruim."

Do craque Neymar a Marília Gabriela: no ar domingo, à 0 h, pelo SBT

A Globo prepara para maio a estreia de André Trigueiro como repórter do Jornal Nacional e comentarista de sustentabilidade no Jornal da Globo. Não por acaso, a Rio+20 é fórum pronto para mobilizar o planeta já no mês seguinte, em junho. Para o JN, Trigueiro já produz, com a repórter Cristina Serra, uma série em torno do evento. E Alberto Gaspar viaja sete Estados em busca de fontes alternativas de energia. A Globo, aliás, aquece essa agenda desde hoje, com o Globo Repórter de olho nos heróis anônimos da reciclagem de lixo. Enquanto isso, Sônia Bridi reforça seu cartão de milhagem e visita China, Índia, Indonésia e Estados Unidos para uma série que estreia dia 13, no Fantástico.

Aplicada, Sangalo estuda o script

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.