Renato Loureiro leva cavalo à passarela

Renato Loureiro abre desfile com modelo montada num cavalo branco de rabo frizado e fecha com cena equivalente em cavalo preto. De cara, a primeira modelo usa roupas do tipo montaria, estilo que imperou na passarela outono-inverno do estilista. Loureiro fez trabalho firmado em losangos com muitas variações: pêlo, lurex, dois pesos, faixas de tricot cruzando em cima da musseline. Nas calças, muitas pantalonas e calças usadas por dentro das botas, como as usadas nas montarias, e as legs vinham feitas de trança de tricot. Na linha montaria, Loureiro usa o nonato, material aproveitado mais em sapatos e bolsas, para confeccionar casacos, saias, mini-boleros. A cor predominande é o rosê e a força extra está nos acessórios. Muitas cartucheiras e pochetes.Aécio Neves foi a estrela da platéia de Renato Loureiro. O governador de Minas veio conferir a performance do primeiro representante do Estado a desfilar nesta edição. Quem trouxe o moço foi Bia Aydar, que escoltou o governador o tempo todo. Se ele gosta de moda? "Sou despojado", avisa de dentro de um comportado - e bem cortado - terno marinho.Veja galeria do SPFW

Agencia Estado,

28 de janeiro de 2004 | 17h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.