Relógio de Eric Clapton é leiloado por US$3,6 milhões

Um relógio de pulso de platina da marca Patek Philippe, pertencente ao guitarrista britânico Eric Clapton, foi leiloado por 3,44 milhões de francos suíços (3,63 milhões de dólares) nesta segunda-feira, informou a casa Christie's.

Reuters

12 de novembro de 2012 | 17h20

O modelo ultrarraro, com a referência 2499/100, é um dos dois únicos exemplares desse relógio de pulso envolto em platina. O objeto havia sido comprado por Clapton há cerca de dez anos, segundo a firma de leilões.

O valor obtido, incluindo a comissão, ficou de acordo com a estimativa prévia do relógio, que era de 2,5 a 4 milhões de francos. Mais de 300 outros relógios foram leiloados numa venda semestral da Christie's em Genebra.

Um porta-voz disse que o comprador permaneceu anônimo.

Fabricado em 1987 em Genebra, o modelo tem um calendário perpétuo, com as fases da lua, e também janelas para o dia e o mês, além de ponteiros de mostradores dos minutos e segundos.

A maioria dos especialistas o considera um dos dez mais significativos relógios de pulso já feitos, por sua importância histórica, complexidade mecânica, beleza, condição original, raridade e origem refinada, disse Aurel Bacs, diretor internacional do departamento de relógios de Christie's, antes de realizar a venda.

No ano passado, Clapton vendeu num leilão mais de 70 guitarras, arrecadando 2,15 milhões de dólares para uma entidade de reabilitação para dependentes em álcool e drogas que ele fundou em Antígua (Caribe).

No mês passado, ele vendeu também uma pintura abstrata do artista alemão Gerhard Richter, por 34,2 milhões de dólares, naquela que se tornou a mais cara obra já comercializada de um artista vivo.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTECLAPTONRELOGIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.