Religioso, astro de 'Two and a Half Men' faz campanha contra série

O ator Angus T. Jones, astro da desbocada série cômica de TV "Two and a Half Men", pediu aos espectadores que mudem de canal, alegando que suas recentes convicções religiosas são incompatíveis com o papel que ele interpreta na série, como um adolescente desencanado.

Reuters

26 de novembro de 2012 | 20h30

Jones, de 19 anos, interpreta há nove anos o jovem Jake Harper, filho do personagem Alan (Jon Cryer).

E um vídeo gravado para a Igreja Cristã Precursora, da Califórnia e divulgado pelo YouTube, Jones pede aos fãs que parem de assistir ao programa e de "encher a cabeça de vocês com sujeira".

"Se você assiste a ‘Two and a Half Men', por favor pare", diz Jones no vídeo. "Estou em ‘Two and a Half Men' e não quero estar nele. Se estou fazendo algum mal, não quero estar aqui. Não quero contribuir com o plano do inimigo . Não se pode ser uma verdadeira pessoa temente a Deus e estar num programa de televisão como aqueles."

"Não estou bem com o que estou aprendendo, com o que a Bíblia diz e com o que está naquele programa de TV", acrescentou.

A rede CBS e a produtora Warner Bros Television não quiseram comentar as declarações, que podem criar um novo problema para a popular série. Em 2011, o programa precisou passar por uma reformulação devido à demissão do protagonista Charlie Sheen, substituído por Ashton Kutcher.

(Reportagem de Jill Serjeant)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEANGUSJONES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.