RedeTV! quer que Pânico volte a ser exibido às 18 horas

A turma do "Pânico" está mansinha, mansinha, à espera da volta de sua atração ao antigo horário de exibição: domingo, às 18 horas. A RedeTV! e os humoristas entraram com um pedido de reclassificação do horário do programa no Ministério da Justiça, que em abril retirou o programa da classificação "livre" e o reclassificou como impróprio para menores de 12 anos. Trocando em miúdos, das 18 horas a atração teve de migrar para as 20 horas, faixa adequada à nova classificação.As mudanças causaram problemas na programação na RedeTV!. O "Bola na Rede", debate sobre futebol, passou a ir ao ar às 18 horas, antes mesmo de os principais jogos dos campeonatos acabarem. O próprio Pânico sofreu significativa queda na audiência no horário, uma vez que deixou de enfrentar "Faustão" e "Gugu" e passou a bater com o "Fantástico". A atração, que costumava registrar médias de 8 pontos, caiu para 5 pontos de ibope nas últimas semanas.Com tudo isso, a RedeTV! se propôs a "pegar leve" com o conteúdo do programa, que acabou reclassificado por abusar de cenas de violência e sexo, segundo o MJ.Com o pedido da emissora para autorizar a volta do "Pânico" às 18 h, o MJ monitorou as três edições passadas do programa e vai monitorar a do próximo domingo para ver se realmente houve mudança no conteúdo.O órgão também convidou um grupo de colaboradores formado por representantes de várias entidades como Unicef, da Agência de Notícias dos Direitos da Infância (Andi) e ONGs que lutam pelos Direitos Humanos para analisar o conteúdo da atração. Essa análise dará origem a um relatório que fará parte do parecer do MJ sobre a reclassificação. O resultado deve sair até o fim do mês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.