Record terá R$ 16 mi para salvar festivais de música

A Rede Record conseguiu R$ 16 milhões pela Lei Rouanet para salvar as imagens de seus famosos festivais de música, os gols lendários de Pelé, as primeiras séries nacionais e as imagens da construção de Brasília, entre outras relíquias. A emissora já começou o processo de digitalização de seu acervo e a busca por empresas interessadas em patrocinar a iniciativa - com base no incentivo fiscal da Lei Rouanet - que pretende preservar imagens de quase 60 anos atrás.

AE, Agencia Estado

01 de junho de 2009 | 11h25

No acervo há cenas do primeiro seriado nacional, o Capitão 7, programas como O Fino da Bossa, de Jair Rodrigues e Elis Regina, festivais de MPB e a Jovem Guarda, de Roberto Carlos. Muitos dos gols de Pelé - imagens ajudaram a compor o filme Pelé Eterno - fazem parte desse acerco. Há também poucos episódios da lendária Família Trapo (1967), com Jô Soares e Ronald Golias, uma vez que grande parte da série foi apagada com a chegada do videoteipe. ?O processo inteiro de digitalização deve levar de dois a três anos, mas já começamos a trabalhar?, fala o diretor da Record Entretenimento, João Luiz Urbaneja. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
Recordfestivais de música

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.