Record prepara a novela jovem "Alta Estação"

Ao anunciar sua novela jovem, "Alta Estação", que estréia na terça-feira, às 18 horas, para concorrer com "Malhação", da Globo, a Record explicitou seus planos: em dois anos pretende se igualar na audiência e no faturamento com a concorrência. Além das três novelas que já produz, investirá em minisséries e, num prazo de cinco anos, também em cinema.Estes foram os projetos anunciados pelo superintendente comercial da Record, Walter Zagari. A emissora investiu US$ 100 milhões (cerca de R$ 215 milhões), boa parte na construção da cidade cenográfica, que teve como núcleo inicial os estúdios de Renato Aragão, em Vargem Grande, na zona oeste, não muito longe do Projac, cidade cenográfica da Globo. ´A nova novela é uma oficina para o futuro´, disse Zagari. ´Esses jovens atores, muito em breve, serão protagonistas de nossas produções.´"Alta Estação" conta o cotidiano de seis universitários que vivem no Rio. ´Gravar aqui é mais barato e faz mais sucesso no Brasil e no exterior porque o cenário é a cidade maravilhosa´, explicou Zagari. São, ao todo, 10 personagens fixos, e o custo do capítulo é de R$ 75 mil, semelhante em tudo a "Malhação".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.