Record apela à polícia para atrair audiência

De tanto produzir programas sobre ações policiais, a Medialand tornou-se uma produtora expert no gênero e desenvolveu um menu de cenas de ação cobiçado para socorrer a audiência de quem precisa. A partir de amanhã, imagens de operações de São Paulo e Porto Alegre passam a rechear o Repórter Record, de Marcelo Rezende. Já o Câmera em Ação, outro produto da Medialand, deixou de ser um quadro no Domingo Espetacular para virar programa solo nas noites de segunda-feira, horário em que a produtora, via RedeTV!, costumava bater o CQC com o Operação de Risco. Mas o plano, inicialmente previsto para depois da Olimpíada, pode ser antecipado para curto prazo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.