R&BUsher e o ângulo pop melancólico

OUÇA TAMBÉM

O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2012 | 03h09

HYPNOTIZE U

Artista: N.E.R.D. Album: Nothing

Gravadora: Interscope.

Preço: US$ 12

USHER

LOOKING 4 MYSELF

Gravadora: RCA

Preço: US$ 12 (iTunes)

BOM

Uma das faixas do ano até agora é Climax, o lead single do novo disco de Usher, Looking 4 Myself. A produção é de Diplo, o incensado DJ que tem estado presente em todos os cantos da indústria musical ultimamente (gerencia, produz, faz curadoria e transita entre o mainstream e o autoral sem nenhum esforço). Climax é uma joia. Uma produção esparsa cria climas meditativos enquanto Usher faz uma memorável performance em característico falsete fragilizado. Climax dá o ar melancólico deste sétimo disco do cantor de r&b. Mesmo quando fala de festas e comemorações, ou quando pede para uma moça abaixar a sua saia, transparece um clima recatado, como se Usher estivesse sendo econômico com a sua energia. Embora Show Me, a faixa em questão, não esteja no nível de Climax, este tom mais tranquilo mostra uma receita pop conhecida por um ângulo diferente. É refrescante ouvir pop comercial com um dedo de melancolia. Os vocais de Usher são, como sempre, impecáveis. E a maioria dos refrões é interessante, bem construída. Além de Diplo, uma participação do rapper Rick Ross faz a diferença, assim como a produção de Pharell em Twisted, um beat meio r&b sessentista, meio hip hop que traz um pouco de sol ao disco. / R.N.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.