John Amis/ AP
John Amis/ AP

Rapper T.I. volta a prisão federal após viajar em ônibus luxuoso

Artista viajava para cumprir última parte de sua pena em um centro de recuperação nos EUA

DAVID BEASLEY, REUTERS

02 de setembro de 2011 | 14h46

Uma viagem em um ônibus de luxo de Arkansas a um centro de recuperação em Atlanta levou o rapper T.I. de volta à cadeia dois dias depois de sua libertação de uma prisão federal.

O artista de Atlanta, cujo nome de batismo é Clifford Harris, deveria passar o último mês de sua pena em uma instalação residencial de transição, disseram autoridades carcerárias no começo da semana.

No entanto, o porta-voz do sistema carcerário Chris Burke confirmou nesta sexta-feira que T.I. voltou para a prisão federal em Atlanta, mas ele não sabia direito o porquê.

A data de libertação do rapper é 29 de setembro, afirmou Burke.

De acordo com Steve Sadow, advogado de T.I., as autoridades carcerárias tiveram uma "questão" com o ônibus que o artista viajou de Arkansas para Atlanta.

"Estamos aguardando a oportunidade de resolver rapidamente qualquer que seja a questão da Agência Federal de Prisões com o meio de transporte de T.I. - ônibus - de Arkansas para Atlanta, para que T.I. possa voltar ao semi-aberto a fim de que cumpra os dias remanescentes de sua sentença", afirmou Sadow em um email à Reuters.

O artista foi condenado em outubro de 2010 a 11 meses de prisão por violar os termos de uma condicional depois de ter sido detido sob suspeita de posse de ecstasy. Foi a segunda vez que ele foi preso em três anos.

A carreira de T.I., que já foi laureado pelo Grammy, começou como rapper em 2001, mas depois ele abraçou outras áreas da música e da indústria do cinema, fazendo sucesso como produtor e como ator.

Na quarta-feira, o canal TV a cabo VH1 disse ter acertado com o cantor de Got Your Back, que tem 30 anos, para sua participação em uma série de 10 episódios que acompanhará sua vida fora da prisão e a produção de um álbum novo. A série deve estrear no dia 5 de dezembro.

Tudo o que sabemos sobre:
GENTETIPRESO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.