'Quem Quer Ser um Milionário' vence Bafta de melhor filme

Filme do diretor Danny Boyle venceu sete estatuetas na premiação britânica equivalente ao Oscar

BBC Brasil e Teresa Ribeiro, do estadao.com.br, com agências internacionais, BBC

08 de fevereiro de 2009 | 20h30

Considerado a revelação do ano, o filme Quem Quer Ser um Milionário? venceu na categoria de melhor filme do Bafta, o mais importante prêmio do cinema britânico.  O diretor do longa-metragem, Danny Boyle, também recebeu o prêmio de direção e o filme acabou vencendo em sete das 11 categorias às quais foi indicado. Quem Quer Ser um Milionário? foi o grande vencedor, conquistando quatro prêmios no Globo de Ouro, incluindo melhor filme e melhor diretor, o que o torna um dos preferidos para levar também o Oscar no dia 22.      Ao receber a estatueta, entregue por Mick Jagger, o produtor de Quem Quer Ser um Milionário?, Christian Colson, expressou sua alegria por receber o prêmio para um filme que é "exatamente como Boyle sonhou".Veja também: Leia mais sobre o Bafta Kate Winslet e Mickey Rourke, vencedores do Bafta de melhor atriz e melhor ator. Foto: AP   A atriz britânica Kate Winslet, que era a favorita da categoria, recebeu o prêmio de melhor atriz por seu papel em O Leitor e agradeceu a seus pais, que assistiram à cerimônia, em Londres.  Durante seu discurso ela disse que não iria olhar para eles porque "iria cair no choro", em referência ao agradecimento emocionado que fez quando venceu o Globo de Ouro no mês passado.  O ator Mickey Rourke foi premiado como melhor ator por sua atuação no filme O Lutador e em seu discurso de agradecimento disse ser "muito bom estar aqui, fora da escuridão".  Rourke, de 56 anos, voltou às telas depois de um longo afastamento e 13 anos de terapia. Ele superou nomes de peso como Brad Pitt, por O Curioso Caso de Benjamin Button, e Sean Penn, por Milk - A Voz da Liberdade. O prêmio de melhor ator coadjuvante foi para Heath Ledger, morto há um ano, por sua atuação como o vilão Coringa no filme Batman - O Cavaleiro das Trevas.   A atriz Penélope Cruz disse se sentir "muito honrada e agradecida" por receber o prêmio de melhor atriz coadjuvante por seu papel como Maria Elena no filme de Woody Allen Vicky Cristina Barcelona.  Penélope Cruz confirma seu favoritismo e leva o Bafta de melhor atriz coadjuvante. Foto: AP Os troféus para Kate, Rourke e Ledger, também premiados no Globo de Ouro, aumentam suas chances no Oscar. Penélope confirmou seu favoritismo como melhor atriz coadjuvante, papel com o qual ganhou na semana passada o Prêmio Goya, considerado o Oscar espanhol.   O Curioso Caso de Benjamin Button, estrelado pelo ator Brad Pitt, que recebeu 11 indicações ao Bafta, assim como Quem Quer Ser um Milionário?, terminou a noite apenas com três estatuetas, nas categorias de melhor design de produção, melhor maquiagem e efeitos especiais. Realizado duas semanas antes do Oscar, o Bafta é considerado um dos principais eventos da temporada de premiações do cinema e serve como termômetro para a grande noite da Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood.  O filme francês Il y a Longtemps que Je T'aime, de Philippe Claudel, conquistou a estatueta de Melhor Filme Estrangeiro do Bafta.  No ano passado, todos os quatro atores vencedores do Bafta receberam o mesmo prêmio na noite do Oscar. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.