Protagonista de <i>Chaves</i> deixa hospital após pneumonia

O popular humorista mexicano Roberto Gómez Bolaños, famoso pelos personagens Chaves e Chapolin Colorado, disse na terça-feira que se recupera em casa após uma forte pneumonia que o fez passar cinco dias em um hospital em Cancún. Bolaños, cujas séries de TV têm entretido várias gerações de latino-americanos, contou que foi hospitalizado na semana passada, mas que pôde passar o Natal e o Ano Novo em sua casa em Cancún. "Agora estou bem, mas semana passada tive uma pneumonia, que se complicou com uma doença pulmonar crônica, resultado de ter fumado por muitos anos", disse o humorista de 77 anos em um comunicado. Chespirito, como é conhecido no México, sofre de um "princípio de enfisema" que piora no inverno pelo mau tempo e pelo frio. "Felizmente, o problema foi enfrentado a tempo. E, ainda que tive que ficar por cinco dias em um hospital para observação médica, neste momento estou melhor", disse ele. Bolaños, cujos personagens impulsionaram a rede Televisa, está em sua casa em Cancún desde meados de dezembro e, segundo pessoas próximas a ele, permanecerá até o final de janeiro. O humorista lançou no ano passado uma autobiografia, "Sem querer querendo", uma das frases que imortalizaram o personagem Chaves ao justificar suas travessuras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.