Processo contra Oscar Wilde é disponibilizado na internet

Tribunal londrino de Old Bailey disponibiliza documentos de mas de 210 mil processos do período de 1674 a 1913

Efe

28 de abril de 2008 | 15h22

Os arquivos de alguns dos processos criminais mais famosos da história do Reino Unido, entre eles o que teve como protagonista o escritor Oscar Wilde por escândalo homossexual, foram divulgados nesta segunda-feira, 28, pela primeira vez na internet.   Veja também:  Arquivos do tribunal Old Bailey   Os documentos, conservados no famoso tribunal londrino de Old Bailey, abrangem mais de 210 mil processos criminais que abrangem um período que vai de 1674 até 1913, informa hoje o jornal The Daily Telegraph.   "Pessoas de todo o mundo poderão visitar gratuitamente o site e obter todo tipo de valiosos detalhes de crimes que vão desde roubos de simples batedores de carteiras até seqüestros e assassinatos", explica o professor Robert Shoemaker, co-diretor do projeto.   "Há crimes e delitos cometidos por terroristas irlandeses e ladrões de trens, mas também por pessoas comuns", declarou o especialista.   Estes arquivos "nos permitem ter acesso a valiosas informações sobre a vida cotidiana. A história transborda de informação sobre reis, rainhas e guerras, mas não nos conta muito da vida das pessoas comuns", declarou, por sua parte, o professor Tim Hitchcock, o segundo co-diretor do projeto.   Trata-se de um projeto conjunto das Universidades de Sheffield, Hertfordshire e a Open University.

Tudo o que sabemos sobre:
Oscar WildeReino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.