Presidente da MTV se irrita com a Game TV, da Rede 21

"Isso já está me causando certa irritação": a frase é do presidente da MTV Brasil, André Mantovani, em reação a reportagem publicada no Estado no último domingo. O alvo são os números de audiência divulgados pela Game TV (ex-Game Corp, produtora que tem Fábio Lula da Silva e o ex-MTV André Waisman entre os sócios), a respeito da audiência alcançada pela produtora.A Game TV hoje ocupa a faixa das 18 às 22 horas na Rede 21, mas de 1.º de agosto de 2005 a 24 de abril de 2006, a produtora fazia a faixa das 17 às 21 horas na TV Mix. E, nesse período, a Mix bateu a MTV Brasil por 232 dias num total de 232, ou por 0,56 a 0,34, segundo dados do Ibope.Os números são da audiência domiciliar, nicho que, segundo Mantovani, não tem valor para um canal focado no segmento jovem. "Nós trabalhamos com audiência segmentada, não faço programa para a minha avó ou para a minha mãe, faço programa para jovens, e, na faixa dos 15 aos 29 anos, classe AB, a MTV obteve 0,34 ponto ante 0,18 da concorrência (Game TV/Mix) nesse período" , diz.O presidente da MTV lembra ainda que os dados são de São Paulo, mas seu alcance nacional é quatro vezes maior que o da Mix.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.