Prêmio Multicultural Estadão anuncia indicados

Dez criadores e quatro fomentadoresde várias regiões do País, personalidades fundamentais nocenário cultural brasileiro, foram selecionados por uma comissãoindependente para concorrer à nova edição do PrêmioMulticultural Estadão que, neste ano, contará com novidades. Aprimeira refere-se ao patrocínio da Serasa, a maior empresa deinformações de análises econômicas e financeiras sobre créditodo Brasil.Outra modificação está na forma de votação: para a sextaedição do prêmio, o colégio eleitoral que já conta comaproximadamente 6 mil votantes vai utilizar a internet como meiopara expressar seu voto. Os eleitores, que são profissionais deatuação relevante no processo cultural brasileiro, logo terão umsite à disposição para analisar os concorrentes.Os nomes escolhidos são o artista plástico AbrahamPalatnik, a coreógrafa e professora Angel Vianna, o ator ediretor Antônio Abujamra, o artista plástico Artur Barrio, omúsico e DJ Dolores, o vídeo-artista Eder Santos, o grupoteatral Galpão, o crítico de cinema e professor Ismail Xavier, ocantor e compositor Jards Macalé e o ator Paulo César Peréio,que concorrem entre os criadores.Entre os fomentadores, concorrem o FID - FórumInternacional de Dança, o Fumproarte, o Instituto de Cultura daFundação Joaquim Nabuco e Videobrasil - Festival Internacionalde Arte Eletrônica. Os três criadores escolhidos receberão R$ 30mil cada um. O fomentador eleito não recebe recursos, por causade sua condição profissional ou jurídica - profissionais emcargos executivos ou políticos, empresários, instituições eempresas.Os nomes foram selecionados por nove representantesexpressivos da cultura nacional, participantes ativos em áreasdiversas, vindos de diversos pontos do País. A escolha foiacompanhada pelo editor do Caderno 2 do jornal O Estado deS. Paulo, Evaldo Mocarzel, e por Yacoff Sarkovas e Helena Katz,membros da curadoria. Participaram da seleção a coreógrafa ediretora de dança Lenora Lobo, a antropóloga e professoraMundicarmo Ferretti, a especializada em gestão de projetosculturais Mônica Cerqueira, o múltiplo artista Arthur Omar, oartista plástico Tunga, o músico e produtor Arthur de Faria, oespecialista em comunicações Arlindo Machado, o sociólogo ediretor do Departamento Regional do Sesc-São Paulo Danilo Santosde Miranda e o crítico de cinema do Estado Luiz CarlosMerten.Os prêmios serão entregues no dia 26 de novembro, em umacerimônia concebida especialmente para os 14 indicados. Seguindoa tradição desde que foi criado em 1997, o Prêmio MulticulturalEstadão aponta novas tendências culturais e incentiva seusprincipais expoentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.