Poppovic volta para comandar noticiário

Silvia Poppovic está cheia de segredos. A apresentadora diz que é cedo para adiantar qualquer coisa sobre o formato do seu Show de Notícias com Silvia Poppovic. Por enquanto, prefere falar apenas sobre os assuntos que seu programa não pretende abordar: "Sensacionalismo, mundo cão e exploração da ignorância alheia." O novo programa de Poppovic, no ar a partir de agosto e com uma hora e meia de duração, vai concorrer com o Cidade Alerta, apresentado por José Luiz Datena naRede Record - uma atração que se apóia justamente naqueles assuntos que ela garante deixar de lado. O público que ela pretende atingir, no entanto, é o mesmo que hoje sintoniza o programa de Datena.Como o principal assunto do Cidade Alerta são as reportagens policiais, este será também um dos focos do programa de Silvia Poppovic. A preocupação com problemas locais de várias partes do País, o uso de imagens fortes, o ritmo acelerado e o tratamento popular do noticiário da Record serão perseguidos pela equipe do Show de Notícias. Uma das inovações é que serão feitas entrevistas no estúdio. A jornalista vai ter total liberdade editorial no programa. Se não quiser que algo vá para o ar, avisa: "posso vetar". "Mas sei que não vai haver baixaria porque a Band é uma emissora séria", explica Silvia. A idéia de trazer Silvia Poppovic de volta aos programas de notícias foi de Rogério Gallo, diretor de criação da emissora, e foi muito bem-recebida pela apresentadora. "Estou empolgada para voltar ao jornalismo diário."A mudança faz parte de uma reformulação geral, que está sendo feita por Gallo, para deixar a emissora mais popular. Por isso, foram contratados Leão Lobo e Márcia Goldschmidt. Dos dez anos que passou à frente dos programas de debates Silvia afirma que sai "mais madura porque aprendeu a superar os limites". Ela está recebendo centenas de cartas e e-mails de pessoas que reclamam do fim da atração, mas isso não a sensibiliza. "Não posso fazer nada. Para mim, é o fim de um ciclo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.