Silvana Garzaro/ Estadão
Silvana Garzaro/ Estadão

Pontos positivos e negativos da gestão Marta Suplicy

Ministra da Cultura entregou nesta terça-feira, 11, sua carta de demissão

O Estado de S. Paulo

11 de novembro de 2014 | 11h42


A ministra da Cultura, Marta Suplicy, enviou uma carta de demissão à presidente Dilma Rousseff na manhã desta terça-feira, 11. Ela agora voltará a ocupar o cargo de senadora por São Paulo. Marta assumiu o ministério em setembro de 2012, substituindo Ana de Holanda. Veja os pontos positivos e os negativos de sua gestão à frente do ministério:

Pontos positivos

1 - Vale Cultura saiu do papel

2 - Reorganizou o setor de Direitos Autorais

3 - Apoiou CPI do Ecad, que foi vitoriosa

4 - Resgatou festão do Livro e da Leitura

5 - Ajudou a sanear contas da Bienal de Artes de SP

Pontos negativos

1 - Estagnou debate sobre reforma da Lei Rouanet

2 - Não avançou na gestão da Cinemateca

3 - Dividiu opiniões com apoio à indústria da moda comercial

4 - Distanciou-se da classe artística

5 - Não deixou uma marca além da habilidade gerencial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.