Policiais processam Casseta & Planeta

A turma do programa Casseta & Planetatem rendido trabalho extra ao Departamento Jurídico da RedeGlobo. A emissora foi acionada por cerca de 270 policiaismilitares de Diadema, que alegam ter sido ofendidos peloshumoristas do programa em piadas sobre o episódioque envolve a chacina na Favela Naval, de 1997. Ao todo, a rederesponde a 132 ações sobre o caso. O que alivia o lado da Globo é que a emissora vemvencendo a maioria desses processos, que, em grande parte, pedeindenizações milionárias (a maioria gira em torno dos R$ 200mil) por danos morais. A emissora já saiu vitoriosa de dois processos emsegunda instância e vem vencendo outros em primeira instância.Essa não é a primeira vez que a liberdade de expressão da turmados cassetas causa problemas judicias à Rede Globo. Os humoristas acumulam vários processos, entre eles, umpedido de indenização por difamação movido pelo ex-presidenteFernando Collor de Mello, alvo de várias sátiras do Casseta & Planeta,e outro da acusada de fraudar o INSS, Jorgina de Freitas. Há também aqueles que só ficam ameaçando processar oshumoristas, como o presidente da Câmara dos Deputados, Aécio Neves(PMDB) e os ex-senadores Antônio Carlos Magalhães (PFL) e JaderBarbalho (PMDB).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.