Polícia pede ajuda do FBI para encontrar sobrinho de atriz

Mãe e irmão de Jennifer Hudson foram encontrados mortos na 6ª; suspeito seria ex-marido da irmã de Jennifer

Kyle Peterson, da Reuters,

25 de outubro de 2008 | 18h14

A polícia de Chicago pediu neste sábado, 25, que o FBI ajude na procura por Julian King, sobrinho de sete anos da atriz ganhadora do Oscar Jennifer Hudson. Na noite de sexta, a mãe e o irmão de Jennifer foram encontrados mortos e seu sobrinho, desde então, está desaparecido. Um membro da família que entrou na casa de Donerson na sexta-feira à tarde encontrou Darnell Donerson, de 57 anos, mãe de Jennifer, baleada no chão da sala. Posteriormente, policiais encontraram Jason Hudson, de 29 anos, alvejado por um tiro em um quarto. Pelo menos uma das vítimas apresentava feridas provocadas durante uma tentativa de defesa, segundo os policiais. O porta-voz da polícia local, Daniel O'Brien, disse que o FBI foi questionado para auxiliar na busca, que pode cruzar as fronteiras do estado. Ele afirmou, entretanto, que não há evidências de que King foi levado para fora de Illinois. O'Brien recusou confirmar que a polícia tenha levado William Balfour sob custódia como suspeito do duplo homicídio. Segundo vários meios de comunicação local, Balfour, de 27 anos, foi casado com a irmã de Hudson, Julia, por vários anos, mas eles estavam separados. Ele é o pai de Julian King.  Registros do Departamento Correcional de Illinois mostram que Balfour estava em liberdade condicional após passar sete anos na prisão por tentativa de assassinato, seqüestro veicular e porte ilegal de armas. Documentos públicos mostram que um dos endereços de Balfour era a casa onde Donerson e Jason Hudson foram encontrados. O'Brien afirmou ainda que os investigadores estavam ouvindo o depoimento de diversas pessoas, mas nenhuma havia sido declarada culpada. Ele não divulgou nenhum nome.  Jennifer, que cresceu em Chicago, ganhou notoriedade ao aparecer no programa de TV American Idol. Atualmente, sua música Spotlight está na primeira posição na lista das músicas R&B/Hip-Hop mais tocadas da Billboard. Ela ganhou o Oscar de atriz coadjuvante em 2007 pelo seu papel no filme Dreamgirls. De acordo com a imprensa, Jennifer estava na Flórida quando recebeu a notícia do assassinato e estava voltando para Chicago.

Tudo o que sabemos sobre:
Jennifer Hudson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.