Poetas latino-americanos se encontram no Paraguai

Pelo menos 80 poetas da Argentina, Brasil, Uruguai e Paraguai se reunem em Assunção a partir de hoje, para um encontro que busca promover a criação literária entre os países do Mercosul. O encontro é patrocinado pela Unesco, e durante seus cinco dias de duração, poetas e público compartilharão diferentes espaços de leitura, reflexão e distração "à beira da bahia de Assunção", como informou a assessoria das Nações Unidas.As atividades previstas são variadas e incluem leitura de poemas, bate-papos, conferências e apresentação de livros em diversos centros culturais de Assunção, ainda que tenham como eixo a bahia da capital.Durante o evento, que se chama Encontro dos Poetas na Bahia de Assunção, haverá menções honrosas a obras renomadas e a outros êxitos que têm emergido entre autores mais jovens.Entre os participantes estão os argentinos Reynaldo Jiménez, Marcelo Leytes e Patricia Severín; os uruguaios são Marosa Di Giorgio, Pablo Thiago Roca e Eldeer Silva; os brasileiros Douglas Dieguez, Jussara Salazar, Ricardo Corona e Marco Luchessi; e também os paraguaios, representados por Augusto Roa Bastos, Oscar Ferreiro, Sudy Delgado e Reneé Arréllaga. A Unesco afirma que a poesia sempre tem sido um excelente meio de compreensão entre as culturas e um valor para a construção de uma cultura da paz, e destaca que por isso o órgão declarou 21 de março o "Dia Mundial da Poesia".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.