Imagem Luis Fernando Verissimo
Colunista
Luis Fernando Verissimo
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Pode acontecer

Estamos num daqueles períodos da História em que tudo que pode acontecer, acontecerá. Prepare-se para o próximo meteorito

LUIS FERNANDO VERISSIMO, O Estado de S.Paulo

18 de outubro de 2020 | 03h00

Um dia, nós ainda vamos rir de tudo isto – histericamente.

Estamos num daqueles períodos da História em que tudo que pode acontecer, acontecerá. Prepare-se para o próximo meteorito. Nos Estados Unidos, estão falando seriamente na possibilidade do Trump perder a próxima eleição presidencial e se recusar a entregar o poder. Argumentos racionais contrários a esta possibilidade, resumidos na frase “Ele não é louco”, ignoram um fato evidente: ele é louco. Ou pelo menos já cometeu tantas loucuras no cargo que mais uma, a última, não fará diferença, e ainda dará uma espécie de coerência à sua demência.

O que pode acontecer:

– Vamos lá, sr. Presidente?

– Aonde?

– À posse do novo presidente. Sua limusine está esperando.

– Não posso ir. Estou muito ocupado.

– Mas senhor...

– E outra coisa. Que história é essa de novo presidente? Até eu passar por aquela porta do Salão Oval, o presidente sou eu. E não pretendo sair daqui tão cedo. Temos que deter esse impostor, o Biden. 

– O Biden ganhou a eleição, senhor.

– Um detalhe. Precisamos impedir que a nação seja entregue a um velho de cabelos brancos com cara de farmacêutico aposentado, depois de quatro anos com meu bronzeado e meus cabelos dourados. Me dê as suas algemas.

– O quê?

– Suas algemas. Vocês do serviço secreto não carregam algemas? Me dê as suas. 

– O que o senhor vai... Presidente!

– Pronto. Estou preso à minha mesa. Agora ninguém me tira daqui. Nem o Putin, pedindo com jeito. Quem quiser me levar, tem que levar minha mesa junto! Pode dispensar a limusine.

É ESCRITOR, CRONISTA, TRADUTOR, AUTOR DE TEATRO E ROTEIRISTA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.