Patricia Santos/ Estadão
Patricia Santos/ Estadão

Plataforma do Sesc-SP reúne material precioso, como acervo de Antunes Filho

Ao navegar pela página, o visitante encontrará áudios, vídeos, imagens e publicações, que pertencem à história do Sesc, que completa 74 anos em 2020

Eliana Silva de Souza, O Estado de S.Paulo

11 de maio de 2020 | 11h03

O público que está em casa, mantendo o distanciamento social por causa da covid-19, tem agora à sua disposição a Plataforma Sesc Digital. Lançada pelo Sesc São Paulo, a ferramenta reúne o acervo audiovisual da instituição, com dez mil itens. Órgão que fomenta cultura, o Sesc tem preciosidades entre o material selecionado, como espetáculos de Antunes Filhos ou um show instrumental de Hermeto Pascoal.

Ao navegar pela página, o visitante encontrará áudios, vídeos, imagens e publicações, que pertencem à história do Sesc, que completa 74 anos em 2020. Entre os vários registros, de diferentes expressões culturais, há ainda o espaço reservado para os programa socioeducativos do Sesc-SP, como seleções de conteúdos inéditos, como a EAD Sesc Digital, ferramenta de educação a distância, que oferece cursos livres, com acesso gratuito e irrestrito.

Entre o vasto material disponível, a arte de Antunes Filhos propicia conhecer o trabalho do diretor, que coordenou o CPT/Sesc até sua morte, em 2 de maio de 2019. No acervo que reúne seus espetáculos, é possível ver peças como A Pedra do Reino, A Senhora dos Afogados ou Blanche, que foram gravadas na íntegra.

Na seção de literatura, entrevistas com nomes de relevantes da escrita, como o do escritor Sérgio Sant’Anna, que morreu no domingo, 10 de maio, e no qual explica o que caracteriza um romance psicológico.

Site traz também shows, como a apresentação de Hermeto Pascoal, realizada em 216, quando o multi-instumentista fez 80 anos. Com seus, por vezes, estranhos instrumentos, o músico alagoano domina o palco, saltando e dançando, como um menino. O bruxo, como é chamado, tira som de tudo, teclado, piano, flauta-baixo, escaleta, sanfona 8 baixos, porcos, chaleira, berrante, ao lado de seu lendário grupo, que o acompanha desde os anos 1970.

Dentro da série Coleções, registros trazem histórias de pontos culturais da cidade de São Paulo. Tem um episódios sobre o Teatro Municipal, que inaugurado em 1911 pelos arquitetos Ramos de Azevedo, Clovis Rossi e Domiziano Rossi. Palco de inúmeras apresentações de nomes da arte. 

Poucos dias antes da abertura oficial da unidade 24 de Maio do Sesc São Paulo, o diretor regional do Sesc, Danilo Santos de Miranda recebeu Gilberto Gil. No vídeo, os dois conversam sobre o novo prédio, idealizado pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha, suas curiosiades, a importância da localização. Entre um papo e outro, o cantor mostra algumas de suas canções.

Abaixo, alguns destaques do que o público poderá ver no site. 

SescTV

A plataforma de on demand tem séries e produções audiovisuais do canal

Acervo Sesc de Arte Brasileira e Bienal Naïfs

Aqui, registros fotográficos dos acervos constituídos, em alta resolução, para consulta, com textos explicativos das obras e artistas

Centro de Pesquisa e Formação (CPF)

Com áudios de entrevistas, debates e cursos realizados, de educação, arte, gestão e mediação culturais

Selo Sesc

Reúne canções e álbuns

Instrumental Sesc Brasil

Os registros audiovisuais dos shows que integram o tradicional projeto

Publicações

Seleção de revistas, obras técnicas e catálogos publicados pela instituição

Registros Históricos

Resgate dirigital de seminários com temáticas socioeducativas, dança, teatro, circo ou música

Educação a Distância

Voltadas para todas as faixas de público, as formações trazem, em comum, o incentivo à prática do faça-você-mesmo. 

Para conferir esse rico mateiral, acesse o site sescsp.org.br/sescdigital.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.