"Plantão de Notícias" volta à TV

De volta à TV depois de trocar de emissora e ficar um tempo na geladeira, o programa semanal Plantão de Notícias estreou na Record no último sábado, apenas para o público carioca. É a volta à telinha do jornalista Mauricio Menezes, com o mesmo programa que começou na rede CNT, em 1999, e mostrou sua verve humorística. Plantão de Notícias é um prato cheio para quem gosta de histórias dos bastidores da imprensa. ?Estamos sempre brincando com a profissão de jornalista?, diz Menezes. Mas a brincadeira parte, muitas vezes, de histórias reais. Os casos contados por repórteres, colunistas e editores são a principal matéria-prima do programa. O resultado é um verdadeiro anedotário da profissão de jornalista, pelo menos do seu lado cômico. Um exemplo: o jornalista Ricardo Boechat conta que um dia publicou em sua coluna uma nota em que dizia ?o falecido maestro Altamiro Carrilho...? Assim que chegou à redação, o telefone tocou e, do outro lado: ?Boechat? Aqui é o falecido maestro Altamiro Carrilho?. As famosas ?barrigas?, notícias falsas ou erradas, dão o tom do Plantão de Notícias. Rir das barrigas pode ser bom depois que elas acontecem e são quase esquecidas, mas todo jornalista foge delas como o diabo da cruz. ?Claro que na hora isso é o nosso inferno astral. O Boechat contou que no dia ele só pedia para que Deus matasse ele antes do Altamiro Carrilho?, diz Menezes. A idéia de mostrar o lado engraçado da imprensa começou em 1990, quando Mauricio Menezes era repórter da sucursal carioca do Estado. ?Dava plantões na casa de pessoas seqüestradas, ao lado de vários outros colegas. Como surgiam várias histórias reais sobre o nosso trabalho, resolvi fazer um show de teatro?. Foi no teatro, fazendo apresentações para colegas de profissão, que o projeto cresceu, ganhou o rádio e depois a TV. Agora com uma hora nas manhãs de sábado na Rede Record do Rio, o Plantão de Notícias conta com vários quadros e personagens, todos de alguma forma ligados ao jornalismo. Assim, por exemplo, o programa traz o Roça News, noticiário fictício sobre cidades do interior, o Sabadão do Faltão, uma sátira ao programa de Fausto Silva e outros quadros, além de entrevistas de rua e muita piada sobre o que sai nos jornais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.