AP
AP

Pinturas de Richter e Freud serão vendidas pela Sotheby's em Londres

Leilão terá também a obra 'Mao', de Andy Warhol, que poderá atingir o valor de 7,5 milhões de libras.

Julia Fioretti, Reuters

29 Janeiro 2014 | 19h17

Uma pintura abstrata do artista alemão Gerhard Richter será vendida pela primeira vez na Venda de Arte Contemporânea da Sotheby's, em Londres, que inclui também trabalhos de Lucian Freud e Andy Warhol, informou a casa de leilões nesta quarta-feira.

Wand (Parede), de Richter, pintada em 1994, foi exibida em 20 exposições em museus, incluindo a retrospectiva sobre os trabalhos dele intitulada Quarenta Anos de Pintura, no Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), mas nunca havia sido colocada à venda pelo artista, segundo a Sotheby's.

A pintura a óleo, com preço estimado em mais de 15 milhões de libras esterlinas (25 milhões de dólares) no leilão, tem "faixas ousadas de vermelho cádmio, azul e magenta", numa amostra da técnica revolucionária que Richter desenvolveu na década anterior.

Um outro novato de destaque no mercado da arte será o artista britânico nascido na Alemanha Lucian Freud, com Cabeça em um Sofá Verde, pintura de 1961, que retrata sua companheira por um longo período Belinda 'Bindy' Lambton.

Na obra, cujo preço é estimado entre 2,5 e 3,5 milhões de libras, Bindy parece estar nua e seu famoso rosto anguloso aparece apoiado no braço de um sofá verde, "lindamente expressivo e quase escultural na forma".

Mao (1973), de Andy Warhol, parte da série de Mao que ele pintou logo depois de o presidente Richard Nixon visitar a China em 1972, também estará à venda no leilão de Londres, em 12 de fevereiro. A estimativa é que valha entre 5,5 e 7,5 milhões de libras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.