Pink Floyd vai ao reino de OZ

SINCRONICIDADE Seria o disco de 1973 do grupo inglês a trilha sonora do clássico filme de 1939?

O Estado de S.Paulo

25 de setembro de 2011 | 03h09

Começou ainda nos anos 70, quando algum desocupado percebeu uma estranha sincronicidade entre o clássico disco Dark Side of the Moon, do Pink Floyd, e o filme O Mágico de Oz. E, por algum motivo, colocou o filme para tocar junto com o disco. Percebeu então que as semelhanças eram ainda maiores - as músicas mudavam de clima exatamente quando se trocava de cena, trechos das letras falavam do que acontecia no filme. A experiência virou lenda urbana e fez muita gente, anos depois, sincronizar videocassete e CD player para ver se dava certo. A banda nega (embota tenha colocado os personagens do filme escondidos em uma capa de disco anos depois), mas o trecho em que Dorothy vai parar em Oz encaixa-se perfeitamente com a dupla "The Great Gig in the Sky" e "Money". E o mundo digital facilitou até isso: postaram a fusão de filme e disco online. Clique e boa viagem: http://vimeo.com/333721

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.