Paulo Scheuenstuhl/Divulgação
Paulo Scheuenstuhl/Divulgação

Pinacoteca abre grande mostra de Antonio Dias

'Antonio Dias - Anywhere is My Land' será inaugurada no sábado, com 50 trabalhos do artista

O Estado de S. Paulo

10 de setembro de 2010 | 06h00

Em 1968, Antonio Dias pintou um céu estrelado, repartido em quadrados por finas linhas brancas. No canto esquerdo da obra, o título: Anywhere is My Land (algo como ‘qualquer lugar é minha terra’). A tela integra a mostra homônima, que reúne cerca de 50 trabalhos do artista nascido em Campina Grande (PB), produzidos entre os anos 60 e 70. A exposição abre no sábado, 11.

 

São pinturas, desenhos, instalações e filmes que revelam o engajamento social e político, a sensualidade e a ironia presentes em sua obra. Entre elas, há uma série de xilogravuras feitas com papel artesanal e corantes naturais - resultado de uma técnica que o artista aprendeu durante os cinco meses que viveu no Nepal. Sim, aquela também foi ‘sua terra’ durante um tempo.

 

ONDE: Pinacoteca do Estado. Pça. da Luz, 2, Luz, 3324-1000. QUANDO: 10h/17h30 (fecha 2ª). Abre sáb. (11), 11h. Até 7/11. QUANTO: R$ 6 (sáb., grátis).

Tudo o que sabemos sobre:
Antonio Dias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.