Pietá de Jan Fabre levanta polêmica

Uma nova reinterpretação da famosa escultura da Pietá de Michelangelo, criada agora pelo artista belga Jan Fabre, está causando polêmica na Itália e dividindo o protagonismo da 54.ª Bienal de Veneza, que começa a ser inaugurada na próxima terça-feira. Na obra Sonho Compassivo - Pietá V, Fabre representa a Virgem Maria em forma de esqueleto e tendo o rosto da morte. A peça será exibida em Veneza, entre quarta-feira e o dia 16 de outubro (período da Bienal italiana), como parte de mostra intitulada Piedades. "A obra de Fabre representa os verdadeiros sentimentos de uma mãe que queria ser trocada por seu filho morto", afirmaram os curadores da exposição. / EFE

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.