Pernalonga racista<br>é censurado nos EUA

Nem o coellho Pernalonga está livre do julgamento da história. Um dos ícones dos desenhos animados, o malandro roedor agora enfrenta acusações de ser racista e implacável com as minorias. O canal americano Cartoon Network, que havia anunciado uma retrospectiva com os melhores desenhos dos anos 40, a era dourada dos Looney Tunes, teve de recuar e refazer sua seleção. O problema é que, muito antes do termo "politicamente correto" tornar-se corrente, Pernalonga atropelava com seu escárnio japoneses, alemães, índios e negros. A emissora reconheceu que os estereótipos eram usados de fato e teve de retirar 12 desenhos da programação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.