Perfeição libertadora

Mercúrio ingressa em Capricórnio; a Lua quarto crescente transita por Touro

Quiroga, astro@0-quiroga.com, O Estado de S.Paulo

13 de janeiro de 2011 | 00h00

Apesar de ter se tornado proverbial afirmar que nossa humanidade é imperfeita, o que legitimaria que cada um de nós fizesse tudo de forma medíocre, a única forma de libertar-se de repetir constantemente a execução de um ato é executá-lo de forma perfeita. A perfeição é desejável e também conquistável, pois nossas almas só conseguem ir além da obrigação de executar diversos atos e rotinas a partir do momento em que conseguem executá-los com perfeição. Como se atinge essa perfeição? Em primeiro lugar, com prática e experiência, mas não apenas: é necessário executar o ato pela necessidade e não pela vontade de obter recompensas por isso. Fazer o necessário e nada além é a atitude mais libertadora à disposição de nossa humanidade.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Compartilhe o que de melhor houver em sua alma, essa atitude colocará distância das pessoas que seria melhor perder para sempre e ao mesmo tempo aproximará, por sintonia, aquelas das quais sua alma deveria ser amiga.

TOURO 21-4 a 20-5

Evitar os assuntos perante os quais sua alma se sente vulnerável seria demonstrar certa covardia,

a qual ficaria evidente aos olhos de outras pessoas. Saiba que a vulnerabilidade é uma proteção muito eficiente.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Agir de forma espontânea vai facilitar que as pessoas próximas façam o mesmo. A espontaneidade é a melhor forma de reconhecer o que há no fundo da alma das pessoas e que, em geral, é melhor do que a desconfiança suspeita.

CÂNCER 21-6 a 21-7

O melhor serviço que alguém pode prestar ao mundo, sem nem sequer desejar fazer algo tão digno,

é irradiar amor do fundo do coração, em primeiro lugar às pessoas conhecidas e próximas e depois a todas as outras.

LEÃO 22-7 a 22-8

Ofereça apoio para que as necessárias transformações se operem dentro da margem mais concreta de segurança e bem-estar, porém, leve em conta que em determinado momento haverá perturbação. Transformação não é fácil.

VIRGEM 23-8 a 22-9

As regras da civilização devem servir às pessoas e não o contrário. Quando chega o tempo em que as pessoas servem às regras e são limitadas por essas é quando se deve desobedecê-las e inventar outras mais modernas.

LIBRA 23-9 a 22-10

Deixar para depois o que deveria ser feito agora seria arrumar encrenca. Por que alguém faria algo assim? Certamente em nome da preguiça, um vício que todas as pessoas deveriam esforçar-se para erradicar definitivamente.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Decida livremente o caminho que seguirá, mas não pretenda que as pessoas próximas acolham sua decisão ou que a achem certa. Cada pessoa é livre para decidir e tudo deve ser conversado para chegar a um consenso.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Abrir a mente e coração significará também compartilhar alguns segredos. Tenha cuidado com isso porque nem sempre as pessoas, nem sequer as que dizem amar sua alma, compreenderão a verdadeira natureza dos segredos.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Nada há que precise de aprovação, você deve fazer o que seus desejos comandarem pela necessidade de continuar evoluindo entre o céu e a Terra. Buscar a aprovação alheia é complicar-se desnecessariamente.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Coração e mente se tornaram opostos por uma manobra artificial dos retorcidos raciocínios de nossa humanidade. Nada há que abone essa suposta contradição entre a lógica e a matemática do coração. Saia dessa!

PEIXES 20-2 a 20-3

Aceitar as consequências dos erros cometidos é um bom primeiro passo para consertá-los e, assim, nunca mais ver seu caminho contaminado com problemas que se repetem incessantemente. Tome essa atitude corajosa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.