Pensamento grupal

Vênus e Urano em oposição; a Lua míngua em Touro

Oscar Quiroga, oscar.quiroga@estadao.com.br, O Estado de S.Paulo

17 de setembro de 2011 | 00h00

Aqueles seres humanos que sentiram a vocação de evoluir e pressentiram transformações importantes em andamento devem se perguntar todos os dias e a toda hora o seguinte: o que seria melhor para o grupo de pessoas associadas a mim? Essa pergunta é crucial, porque o teor da grande transformação em andamento se baseia na superação do pensamento egoísta e a instalação da ideação grupal. Esse conceito não é novo, mas a novidade consiste em ter se atingido o número crítico que precipita essa ideia na realidade e a transforma em hábito concreto. Isso só não é possível ver ainda na prática porque a inércia do sistema egoísta ainda preserva as coisas como sempre foram. Porém, quem se atreve a sintonizar sua mente com a novidade percebe logo que uma onda de vida mais abundante flui através de sua presença.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Ainda que não tenha boa vontade suficiente para ouvir com atenção as críticas, já que as atitudes que você tomou foram as pertinentes, talvez não as melhores, mas pertinentes, mesmo assim será necessário ouvir.

TOURO 21-4 a 20-5

Nenhum alívio pode resultar de fingir que as coisas são leves quando não o são. O único alívio possível resultaria de assumir com coragem o resultado das decisões e enfrentá-lo com boa disposição e espírito.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Todos os grandes problemas do mundo poderiam ter sido evitados se as pessoas tivessem sido mais comedidas na mesquinharia. Porém, na prática a mesquinharia sempre se maquia de razões poderosas para prevalecer.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Melhor preservar a dinâmica do que deter tudo tendo como base o aborrecimento que as circunstâncias provocam. Esse aborrecimento é o que precisa ser protelado e não as necessárias ações que devem ser empreendidas.

LEÃO 22-7 a 22-8

O resultado dos atos empreendidos recentemente foi nutrido por certezas parciais, mas transformadas em absolutas para legitimar atos no mínimo polêmicos. A partir de agora virá a eternidade para redimir esse resultado.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Toda vitória que levar em seu ventre a distorção da verdade iniciará por si mesma a segura derrota. É que o tempo é implacável amigo da verdade e com infinita paciência aguarda pelo momento de manifestá-la.

LIBRA 23-9 a 22-10

Tentar se convencer ingenuamente de que tudo correrá bem pode provocar grandes danos. É mais sábio assumir as circunstâncias com sua complexidade e dureza inerentes e, ao fazê-lo, preparar-se bem para administrá-las.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

O preço da desconfiança sempre, inevitavelmente, será mais elevado do que ousar depositar um pouco de fé nos semelhantes. Pode ser difícil aceitar essa afirmação, mas sua comprovação é simples. É só experimentá-la.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Nada deve ser deixado como está, tudo deve ser mudado o mais radicalmente possível, tomando atitudes baseadas no que intuitivamente sua alma reconhece ser a melhor perspectiva possível. Tome a iniciativa.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

No que depender das circunstâncias, as coisas continuarão indo e vindo de forma frenética e sem eira nem beira. Por isso, dependa menos das circunstâncias para tomar atitudes e baseie-se mais em sua vontade.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

A consciência da complexidade que cada decisão envolve e, também, a necessária coragem, que parece faltar, para tomar a iniciativa, é revelação de que sua alma é mais ousada do que pensa a seu próprio respeito.

PEIXES 20-2 a 20-3

Deixe a simplicidade para algumas eventualidades e desfrute-a enquanto for vigente, mas não tente se convencer de que a maior parte do tempo deva ser assim ou que essa simplicidade bucólica deveria ser o destino principal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.