Pedidos de paz marcam festa da APCA

Foram entregues na noite da segunda-feira no Centro Cultural Banco do Brasil os prêmios para os melhores de 2002 segundo os membros da Associação Paulista de Críticos de Artes. O tom da cerimônia ficou evidente logo de cara, no discurso do presidente da APCA, o crítico Luiz Carlos Merten, que falou sobre o compromisso da arte contra a barbárie. "Quando selecionamos os melhores também estamos nos manifestando contra a guerra, enxergando a arte como um instrumento", disse Merten. O que se viu, na seqüencia, no palco do teatro do CCBB, foram manifestações não apenas contra a guerra no Iraque, mas também da história de uma outra luta, pela sobrevivência dos artistas brasileiros e de seus trabalhos. Foram premiados artistas e personalidades de nove categorias - artes visuais, cinema, dança, literatura, música, rádio, teatro, teatro infantil e televisão. Marina Person, que recebeu o prêmio de melhor programa por Meninas Veneno, e o jornalista Chico Pinheiro apresentaram a cerimônia. Pinheiro substituiu seu colega de Rede Globo William Bonner, que levou o troféu de melhor apresentador do ano e mandou seu agradecimento gravado em vídeo. A fita mostrava Bonner dizendo que tem ?mais um motivo, agora pessoal, para abominar o conflito no Iraque, que me impede de deixar a redação. Mas meu prêmio é resultado de um trabalho de equipe e, em respeito a meus colegas, não poderia deixá-los sozinhos agora". Bonner foi apenas o primeiro de uma série de premiados que aproveitaram os holofotes para protestar contra a guerra no Iraque. Carlinhos Rodrigues, premiado como melhor ator de teatro infantil, dedicou seu prêmio ?aos meninos de pés descalços?, e afirmou que ?se a arte chegar a essas crianças, não haverá mais guerras?. Já o radialista Flávio Prado, vencedor na categoria de melhor programa de variedades em rádio, dedicou seu troféu ?ao bebê que foi mostrado pela TV, sendo machucado pelas forças norte-americanas?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.