Paulista arremata biquíni de Luma

O leilão organizado para a venda das três peças que a modelo Luma de Oliveira usou no ensaio fotográfico da revista Playboy de maio bateu o recorde: o biquíni vermelho bordado com miçangas e a sandália vermelha foram arrematados por R$ 5.050. O comprador, um paulista que usou o pseudônimo de Bessa 2001, não teve a sua identidade fornecida pelos organizadores do leilão. A renda proveniente da venda do lote será revertida à Apae Búzios, conforme pedido feito pela própria Luma.Durante os 15 dias em que a bolsa de apostas estava aberta, o site MercadoLivre.com, que faz parceria com a Abril, recebeu 117.630 visitantes e 52 ofertas de compra. Antes da rainha da bateria da Viradouro, a modelo Dany Bananinha, capa da Playboy de março, estava em primeiro lugar de vendas de acessórios no leilão virtual, conseguindo R$ 2 mil por uma correntinha e brincos de bananinhas, mais um biquíni de cotton autografado.O diretor comercial da Abril.com, Marcelo Pacheco, comemora o número de visitas feitas ao site nestas duas últimas semanas. "O importante neste tipo negócio não é a quantia arrecadada mas a criação de um outro canal de comunicação com o internauta", afirma Pacheco.Dois dias antes do fechamento do leilão o lance chegou à quantia de R$ 7.500, mas tratava-se, na realidade, de uma oferta falsa (algumas pessoas entram no leilão apenas por brincadeira). De acordo com Pacheco, por conta do sucesso destas vendas, outras promoções já estão sendo criadas, como o leilão de convites para festas de lançamentos de revistas e peças usadas por modelos que posaram para a Playboy americana.Entre as brasileiras que já posaram para a Playboy e tiveram acessórios vendidos via Internet estão a tenista Vanessa Menga, Daniele Winits e Ariane Latuf.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.