Paul McCartney deixa carta para os fãs brasileiros

O público carioca encantou Paul McCartney nos dois shows que o ex-beatle fez no Rio de Janeiro anteontem e domingo. Tanto é que ele escreveu uma carta aberta agradecendo à plateia pelo carinho. "De repente todos mostraram cartazes. Foi uma coisa muito visual. Foi muito emocionante porque os fãs tiveram todo este trabalho", escreveu. Ele se referia à apresentação de domingo, quando a plateia, depois de ter combinado pela internet, levantou vários cartazes com os dizeres "na na", do refrão de Hey Jude.

AE, Agência Estado

25 de maio de 2011 | 10h34

Na carta, o cantor conta como foi estar na cidade. "Estar no Rio foi fantástico desde o minuto em que pousamos. A multidão em volta do hotel era de ''bananas'' (expressão em inglês que significa maluco, louco). Eles eram loucos e a atmosfera foi crescendo até fazermos os shows. Eu amo o Brasil. Amo o fato de que eles amam música, é uma nação muito musical. Se eu amo música e eles amam música, então é uma conexão natural".

"Fãs de todas as idades estavam nos shows. Tinha um enorme grupo de fãs jovens, que eu amo, e também tinha seus pais e até seus avós. Então era uma enorme variação de idade. O entusiasmo pela minha música era simplesmente sensacional. Todos nós da banda curtimos esse momento maravilhoso e nós agradecemos aos fãs por tornarem tudo tão excitante". As informações são do Jornal da Tarde.

Tudo o que sabemos sobre:
músicaPaul McCartneyRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.