Parlapatões festejam dez anos de estrada

Depois do sucesso da peça Pantagruel, que estreou no ano passado como a primeira das comemorações do seu décimo aniversário, a trupe Parlapatões, Patifes & Paspalhões lança hoje, no Sesc Anchieta, o livro Riso em Cena - Dez anos de Estrada dos Parlapatões, escrito pelo jornalista Valmir Santos.No livro, organizado de maneira semi-cronológica, Santos conta o nascimento do grupo, em 1991 - quando a dupla de palhaços Hugo Possolo e Alexandre Roit (que deixou a trupe em janeiro deste ano) fez junto com um grupo de atores a primeira apresentação em plena praça da República - até 2001, na estréia de Pantagruel, o marco dos dez anos.A descrição da trajetória é intercalada com depoimentos de atores que fazem ou fizeram parte do grupo, como Possolo e Raul Barreto, que entrou em 93, e enriquecida com observações de críticos e pesquisadores."O livro aborda também o fortalecimento do teatro de grupo nos anos 90, do qual os Parlapatões são os maiores representantes", lembra Santos. Ao todo, foram 19 peças montadas ao longo destes dez anos. Além da história, o livro é recheado de fotos de bastidores e de momentos inesquecíveis da trupe que melhor representa o teatro de circo e de rua nacional.Na festa de lançamento do livro, os Parlapatões receberão a visita dos grupos Tapa, Pia Fraus e La Mínima, que farão uma performance resgatando trechos dos espetáculos apresentados pela trupe nestes dez anos. Com duração de pouco mais de meia hora, a performance - que será acompanhada pelo Coral Collegium Musicum - além de homenagear um dos maiores representantes do mambembe do País, celebra o teatro de grupo.Logo depois da festa, amanhã mesmo, o grupo parte em turnê pelo Brasil, a convite do projeto Tour 2002, da Brasil Telecom, com Sardanapalo, o primeiro espetáculo que montaram em um palco, em 1993.Em outubro, a trupe embarca em outro projeto, o Cena Contemporânea, com patrocínio da Petrobrás, com o qual levará para 23 cidades o espetáculo Pano de Roda, apresentado junto com as companhias Pia Fraus e La Mínima. "A idéia é montar uma arquibancada para 400 pessoas e um palco no centro de cada cidade para incentivar as pessoas a irem ao teatro", explica Barretto.Riso em cena - Dez Anos de Estrada dos Parlapatões - Editora Estampa, 120 págs, R$ 35. Lançamento hoje, às 20h30, no teatro Sesc Anchieta (R. Dr. Vila Nova, 245 tel.: 3256-2281) Grátis.

Agencia Estado,

13 de agosto de 2002 | 10h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.