Paris recebe mostra de arte afro-brasileira

Em uma cerimônia apenas para convidados, foi inaugurada hoje no Musée Dapper, em Paris, a exposição Brasil, A Herança Africana com 130 obras produzidas na África e no Brasil, a partir do século 17 até hoje. Primeira do gênero no país, ficará aberta para visitação pública a partir de amanhã até 26 de março de 2006. Patrocinada pela Petrobras e com apoio do Ministério da Cultura, a mostra faz parte da programação do Ano do Brasil na França.As esculturas, objetos profanos e rituais, oratórios, fotografias e pinturas foram cedidas por instituições e coleções particulares do Brasil e da Europa. O objetivo é mostrar ao público o parentesco entre as obras de arte das duas culturas através da observação das suas formas e conteúdos. "Apesar da expressiva influência africana, também é possível distinguir nas obras afro-brasileiras traços das crenças indígenas, do espiritismo e sobretudo do catolicismo", diz a curadora da mostra, Christiane Falgayrettes-Leveau.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.