Paparazzo morre atropelado após fotografar carro de Bieber

Um fotógrafo de celebridades foi atropelado por um carro e morreu em uma autoestrada de Los Angeles, na terça-feira, depois de tirar fotografias de uma Ferrari registrada no nome do astro do pop Justin Bieber, informou a polícia.

Reuters

02 de janeiro de 2013 | 13h57

Bieber não estava no carro, que havia sido parado por oficiais da Patrulha Rodoviária da Califórnia na via interestadual 405 por suspeita de excesso de velocidade, disse o oficial do Departamento de Polícia de Los Angeles Cleon Joseph, nesta quarta-feira.

A polícia rodoviária viu o paparazzo de 29 anos tirar fotos da cena na noite de terça-feira e ordenou que ele voltasse para seu carro, por razões de segurança, relatou Joseph.

O fotógrafo, cujo nome não foi divulgado, recusou-se a sair do local. Depois de oficiais repetirem a ordem, ele foi atingido ao tentar cruzar as quatro pistas de tráfego, contou Joseph.

Não devem ser movidas acusações contra o motorista que atingiu o fotógrafo, disse o policial.

Bieber foi parado pela polícia por excesso de velocidade em uma autoestrada de Los Angeles em julho passado. Ele disse aos policiais que estava sendo perseguido por paparazzi no momento.

Os promotores acusaram um fotógrafo de celebridades em uma lei da Califórnia que criminaliza a condução perigosa quando se está tirando fotos comercialmente, mas um juiz posteriormente rejeitou o caso.

(Reportagem de Colleen Jenkins)

Mais conteúdo sobre:
GENTEBIBIERPAPARAZZOMORTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.