Paparazzi são presos após perseguirem Britney Spears

Quatro paparazzi foram presos por direção perigosa enquanto perseguiam o carro da cantora Britney Spears. Eles foram detidos por condução em alta velocidade e por trocar diversas vezes de faixas de maneira imprudente. Os acusados ficaram presos para investigação, mas foram soltos após pagar uma fiança de US$ 5 mil cada, disse o porta-voz da polícia Jason Lee. A cantora também foi parada e interrogada, mas a deixaram ir após verificar sua carteira de motorista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.