'Pai' do Garfield pede desculpas por tira no Dia dos Veteranos

O criador do personagem Garfield pediu desculpas por uma tira publicada em jornais do mundo todo na quinta-feira - Dia dos Veteranos, nos EUA - e que irritou alguns críticos que a entenderam como um desrespeito aos ex-militares norte-americanos.

REUTERS

12 de novembro de 2010 | 17h07

Na tira, o gato Garfield aparece ameaçando esmagar uma aranha com um jornal dobrado, e a aranha diz que vai ser homenageada com um feriado anual se for morta. No quadrinho seguinte, uma "professora aranha" pergunta a seus alunos se alguém sabe a razão para a celebração do Dia Nacional da Estupidez.

Algumas pessoas comentaram na Internet que a tira foi desrespeitosa com os militares, embora outras tenham dito que a alusão não pareceu ser intencional.

"Por favor, aceitem minhas desculpas por qualquer ofensa que o Garfield de hoje possa ter criado. Foi não-intencional e lamentável", disse em nota o cartunista Jim Davis.

A nota diz que a tira foi criada há quase um ano, e que Davis - que teve um irmão que serviu no Vietnã e um filho no Afeganistão e Iraque - não sabia a data em que seria publicada.

O site Garfield.com diz que a tira sai em mais de 2.600 jornais, o que faz dela a mais publicada no mundo todo, segundo o livro Guinness.

(Reportagem de Jerry Norton)

Tudo o que sabemos sobre:
MIDIAGARFIELDVETERANO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.