Orquestra de Câmara da Osesp estreia concerto para piano de duzentos anos

A Orquestra de Câmara da Osesp faz hoje às 17 horas, na Sala São Paulo, a estreia mundial do Concerto nº 2 para Piano do compositor checo Leopold Kozeluch. A peça foi escrita há dois séculos e oferecida como presente à Imperatriz Leopoldina. Nos anos 50, foi descoberta pela pesquisadora Mercedes Reis Pequeno, responsável pela criação da Divisão de Música da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, segundo quem a partitura foi trazida ao Brasil por Leopoldina. "Entre o material trazido ao Rio por ela há também partituras de Mozart e Beethoven, muitas em primeiras edições", diz. A peça de Kozeluch acaba de ser editada pela Criadores do Brasil, editora de partituras da Osesp. A interpretação estará a cargo do maestro Claudio Cruz e da pianista Sônia Rubinsky.

O Estado de S.Paulo

18 de agosto de 2013 | 02h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.