Oficinas culturais oferecem mais de 15 mil vagas

Tem para todos os gostos e praticamente para todas as idades. A Secretaria da Cultura do Governo do Estado abre nesta quarta-feira 15 mil vagas nas Oficinas Culturais da Capital e de sete cidades do interior - Bauru, Limeira, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos e Sorocaba. Entre as novidades estão um curso de cinema ministrado pelo diretor Carlos Reichenbach e aulas de teatro com Clarisse Abujamra. Ao todo serão cerca de 450 profissionais.Os interessados, que devem ter a partir de 12 anos, poderão optar por cursos, workshops e palestras nas modalidades de vídeo, teatro, rádio, literatura, meio ambiente, história em quadrinhos, artes plásticas, arte-educação, acervos culturais,fotografia, folclore, design, dança, circo, cultura geral e cinema. Não é cobrado mensalidade, apenas em algumas modalidades os candidatos terão que arcar com o material didático. Os destaques deste trimestre serão o Projeto Oswald 2000 - Empédocle: do Processo de Criação até a pré-produção de um Longa-Metragem, com o cineasta Carlos Reichenbach e a oficina Iniciação Teatral, ministrada pela atriz Clarisse Abujamra, na Oficina Oswald de Andrade. Haverá também workshop com Gaspar Filho, especialista em preparação de atores para cenas de luta na Oficina Glauco Pinto de Moraes, em Bauru, um encontro com o ator Sérgio Mamberti, na Oficina Pagu, em Santos, e a palestra A Nova Teatralidade com o diretor Antunes Filho, na Oficina Carlos Gomes, em Limeira. Segundo o Diretor do Departamento de Formação Cultural da Secretaria de Cultura do Estado, Antonio Carlos Satini, o número de vagas é razoável, mas deve aumentar no meio do ano que vem, com a construção de mais quatro oficinas culturais em São Paulo - nas zonas Sul, Norte, Oeste, Leste. O projeto, no entanto, está na fase de planejamento e não há previsão para o início das obras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.