Reprodução
Reprodução

Obras de Goya, Ribera e Zurbarán são leiloadas em Londres

Quadros chegaram pela primeira vez ao preço estimado de US$ 9 milhões, informaram fontes da Sotheby's

Efe,

15 de junho de 2009 | 16h57

Obras dos pintores espanhóis Francisco de Goya, José de Ribera e Francisco de Zurbarán, chegaram pela primeira vez ao preço estimado de US$ 9 milhões para um leilão nos próximos dias 8 e 9 de julho em Londres, informaram fontes da Sotheby's na Espanha.

 

No caso de Goya, o quadro que será vendido é o Retrato equestre de Manuel Godoy, Duque de Alcudia no qual o artista, que havia sido nomeado Pintor do Rey em 1786 e Primeiro Pintor da Câmara em 1789, retrata o capitão da Guarda Real montando um cavalo. Esse óleo sobre linho, que deve ser arrebatado por cerca de US$ 5,4 milhões, permaneceu na mesma coleção por mais de 20 anos.

 

Já de Francisco de Zurbarán será posto a venda um retrato de Juan Martínez Serrano, que esteve em coleção privada por mais de 40 anos. Estima-se que o quadro alcançará entre US$ 1 milhão e 1,8 milhão.

 

A grande maioria do total de 54 lotes que a Sotheby's leiloará são de coleções privadas e saem ao mercado pela primeira vez.

 

O conjunto da oferta - que inclui obras francesas, italianas, holandesas e inglesas - deve chegar a US$ 40,5 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
leiãopintoresEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.