Obra de Renoir é arrematada por US$ 23,5 milhões

A pintura ?Entre as Rosas? do pintor impressionista Pierre Auguste Renoir foi arrematada ontem à noite em Nova York por US$ 23,5 milhões em leilão da galeria Sotheby´s. A obra, óleo sobre tela, data de 1882 e mostra a Madame Marie Henriette Valentine Billet Clapisson, na época com 32 anos, sentada em seu jardim cercada por rosas. O valor da venda ficou dentro do que havia estimado a galeria - algo entre US$ 20 milhões a US$ 30 milhões. A cifra recorde paga por um Renoir foi de US$ 78,1 milhões, pelo quadro ?Au Moulin de la Galette?, em 1990. Já a pintura ?Dançarina?, de Edgar Degas, um pastel sobre papel, foi arrematada ontem por US$ 10,6 milhões. Nela uma jovem bailarina faz uma reverência sobre o palco e foi concebida entre 1885 e 1890.

Agencia Estado,

07 de maio de 2003 | 08h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.