O tesouro, o coração e a vida

Sol e Júpiter em trígono; a Lua cresce em Libra

Oscar Quiroga, oscar.quiroga@estadao.com.br, O Estado de S.Paulo

31 de agosto de 2011 | 00h00

Onde você imaginar o tesouro que busca conquistar, aí mesmo estará seu coração e, onde estiver seu coração estará toda sua vida também. Essa frase, se bem compreendida, resume todos os dramas e oportunidades que você criará para si nesse complexo jogo existencial que chamamos destino. O tesouro pode assumir diversas imagens, é comum que seja associado aos bens materiais, mas também se expande ao território do prazer, da beleza, da inteligência, dos relacionamentos e de todos os brilhos que nossa humanidade seja capaz de imaginar. Enfim, somos um reino da natureza que faz sua própria vida baseado na imagem do tesouro que busca conquistar, pois aí estará nosso coração e onde nosso coração estiver estará também toda nossa vida. Analise o íntimo de seu coração para ver que tesouro você busca.

ÁRIES 21-3 a 20-4

A popularidade espontânea precisa ser aproveitada, pois não é todo dia que você encontrará facilidade tamanha para relacionar-se com as pessoas e encontrar receptividade suficiente para que os seus pedidos sejam aceitos.

TOURO 21-4 a 20-5

Trate de conceder atenção carinhosa e cuidadosa a todas as tarefas que surgirem imprevistamente, principalmente àquelas que forem relativas à infraestrutura cotidiana. Assuntos menores podem trazer boas perspectivas.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Um pouco de diversão não apenas não faz mal a ninguém como também é imprescindível para o desenvolvimento de uma boa saúde. Porém, veja bem que essa diversão seja comedida; o excesso traria resultados contrários.

CÂNCER 21-6 a 21-7

As boas sensações por enquanto só são isso, boas sensações. Trate-as com cuidado para não tomar decisões que se alimentem com boas sensações que agora pareceriam certezas, mas depois deixariam um rastro de dúvidas.

LEÃO 22-7 a 22-8

Tome o dia para atualizar todas as conversas e diálogos que forem pertinentes a manter o maior dinamismo possível em sua vida. Por enquanto não é necessário decidir ou definir nada, apenas manter o dinamismo.

VIRGEM 23-8 a 22-9

A riqueza é um sentimento tão real que incentiva suas mãos a gastarem além da conta. Esse momento é satisfatório em si mesmo, mas tal como aconteceria com uma bebedeira, o dia seguinte seria de dor de cabeça e ressaca.

LIBRA 23-9 a 22-10

É desnecessário ser gentil com todo mundo e tratar com simpatia todas as pessoas. Tampouco é o caso de fechar a cara e demonstrar antipatia indiscriminadamente. A realidade requer que coloque um pouco de distância apenas.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Fique em silêncio e faça da solidão sua melhor companhia. Este é o momento em que até as pessoas próximas e íntimas não teriam nada a transmitir de bom ou sábio a você. Na solidão você encontrará o que precisa.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Congregar pessoas e mantê-las alegres e bem dispostas a sustentarem vínculos de colaboração mútua é a fórmula que precisa ser resolvida. Por enquanto, essa é tão difícil quanto resolver a quadratura do círculo.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

O progresso não é um só caminho ascendente para sempre. O progresso se dá, na atualidade, por exemplo, aos trancos e solavancos, parecendo em muitos casos que a desordem marca o ritmo e que, por isso, há retrocesso.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Sempre aparecerá alguém com a pretensão de dominar a cena independente de ter ou não recursos mentais ou emocionais para isso. Neste mundo tolo todas as pessoas querem ser caciques, ninguém tem vocação para índio.

PEIXES 20-2 a 20-3

Avançar e recuar, avançar novamente e depois ver o mesmo acontecer, nova necessidade de recuo. Vá se acostumando com esse movimento, porque é o melhor possível, dadas as circunstâncias que o mundo produz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.