O retorno dos disaster movies

O cartaz da Globo das 22 horas, O Inferno de Dante é um disaster movie (filme catástrofe) de tirar o fôlego. Contemporâneo do igualmente bom Volcano (os estúdios correram para lançar primeiro e Inferno chegou na frente), ele tem boas cenas de ação, terremotos e incêncios. Só exagera nas cenas mostrando queimaduras, que são de um realismo de embrulhar estômagos mais sensíveis. O filme é uma superprodução de US$ 100 milhões, a maior parte gasta nos efeitos especiais. Ele perde um pouco na tela pequena e com as interrupções comerciais, mas ainda garante boa diversão. Vale lembrar que não tem nada a ver com A Divina Comédia, de Dante Alighieri. Dante é o nome da cidade turística. Com o novo James Bond, Pierce Brosnan e Linda Hamilton.

Agencia Estado,

15 de janeiro de 2001 | 09h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.