O infinito

O Sol ingressa em Áries e está em trígono com Marte, oposição a Saturno e quadratura com Plutão.

Oscar Quiroga, O Estadao de S.Paulo

20 de março de 2010 | 00h00

Perante o oceano infinito da Vida, nosso egoísmo e irritabilidade não tem cabimento, são apropriações indevidas de recursos energéticos para alimentar a vaidade. É impossível deixar de enfrentar o produto de nossos erros, porque o que pensamos se transforma em fatos e esses são nossos filhos que nos seguem pela eternidade afora até darmos conta dos mesmos. Se quisermos reinventar o mundo, teremos de tirar da mão das religiões o conceito de Vida Eterna para que sua verdade científica seja propagada nas famílias, escolas, empresas e instituições políticas. Ao pensarmos na morte como fim de tudo é isso mesmo que produzimos, mas ao idealizarmos a vida eterna, abrimos as comportas da beleza que nos carrega pelo infinito afora.

ÁRIES 21-3 a 20-4

O objetivo é a união e não a discórdia. Por isso, ainda que você tenha toda a razão do seu lado, isso não deve servir para impor-se sobre as pessoas. Você deve ajudar todo mundo a voltar ao caminho da colaboração.

TOURO 21-4 a 20-5

A partir de agora será propício você funcionar sob uma cortina de discrição, atraindo o menos possível de atenção sobre você. Faça planos, trace estratégias e se movimente o necessário, mas tudo discretamente.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Melhor do que gastar sua energia mental e emocional na busca de progresso pessoal, tente objetivar o estabelecimento de vínculos de cooperação mútua com o maior número possível de pessoas. Isso, sim, será progresso.

CÂNCER 21-6 a 21-7

A ambição é legítima, mas é uma faca de dois gumes, porque se você não faz o esforço necessário para realizá-la, ela, com certeza, vai voltar-se contra você, produzindo desânimo e a tola sensação de que tudo é difícil demais.

LEÃO 22-7 a 22-8

Certos assuntos que até aqui foram extremamente importantes vão tornar-se irrelevantes em pouco tempo. Porém, você precisará esforçar-se para ir além dos mesmos diminuindo o impacto emocional que esses causavam.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Tudo que tiver sido edificado sobre bases pouco sólidas tende a ruir a partir de agora. Isso será incômodo, mas ao mesmo tempo libertador, porque não há nada mais desgastante do que sustentar algo de forma artificial.

LIBRA 23-9 a 22-10

O jogo será bem mais equilibrado a partir de agora, mas isso não significa que será fácil, porque há certo tipo de equilíbrio que se assemelha a estar à beira do precipício sem nada catastrófico acontecendo.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Voltar à estaca zero não deve desanimar você, pois é a chance de recuperar o entusiasmo original e, também, organizar tudo para que certos erros não se repitam. O momento não é decadente, mas ascendente.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

O coração arde de vontade de fazer algo ousado, porque já passou tempo demais em contenção. Tudo aponta para uma melhora substancial, mas você sabe intimamente que ainda seria melhor esperar um pouco mais.

CAPRICÓRNIO 21-12 a 20-1

Cantar vitória antes do tempo certo é uma declaração de derrota. Por isso, contenha o impulso e continue fazendo o necessário para garantir que a vitória seja definitiva e seus resultados estáveis.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Refletir profunda e seriamente sobre os acontecimentos põe em relevo as imperfeições, as próprias e as alheias também. Se tudo seguisse a ordem dos impulsos, nada seria percebido, mas a reflexão ilumina tudo.

PEIXES 20-2 a 20-3

Você não deve preocupar-se excessivamente com assuntos de dinheiro, mas tampouco deve fingir que isso não seria algo com que ocupar tempo e esforço. Afinal, de algum jeito as contas precisam ser pagas, não é?

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.