O império em aliança pela alta definição

Os seis longas de Guerra nas Estrelas em DVD Blu-Ray vão chegar ao mercado no último trimestre de 2011

Dave Itzkoff, The New York Times, O Estado de S.Paulo

22 de agosto de 2010 | 00h00

De 2005, filme de George Lucas vai agora incluir extras  

 

Embora os quase 35 anos de paixão pela série Guerra nas Estrelas tenham rendido toda sorte de souvenirs inspirados no épico espacial de George Lucas, incluindo coisas parecidas com sabres de luz e reproduções usáveis da roupa de escrava da princesa Leia, um velho anseio dos fãs tem sido frustrado: uma versão em vídeo dos filmes de Guerra nas Estrelas que explore ao máximo os recursos de seus sistemas de home theater de primeira linha.

Esse é um vazio do tamanho da Estrela da Morte que a Lucasfilm pretende preencher em breve. O estúdio acaba de anunciar que vai lançar todos os seis longas de Guerra nas Estrelas em DVD Blu-Ray no quarto trimestre de 2011. Uma caixa contendo as versões em Blu-Ray dos filmes, desde o Guerra nas Estrelas de 1977 até o "capítulo anterior final" de 2005, Guerra nas Estrelas: Episódio III - A Vingança dos Sith, marcará a primeira vez em que os filmes são oferecidos num formato de alta definição para casas, e incluirá extras e trechos filmados que nunca foram vistos antes.

Dado os padrões exigentes de Lucas para as apresentações de filmes (ele fundou a empresa THX) e a adoção pela Lucasfilm da tecnologia de cinema digital (a projeção digital foi usada para o lançamento teatral de todos os três "capítulos anteriores" de Guerra nas Estrelas, e os dois últimos desses foram filmados digitalmente), muitos fãs esperavam que versões em alta definição dos longas sairiam logo.

Mas, numa entrevista telefônica, Lucas disse que esperou para ver se o formato Blu-Ray seria largamente aceito pelos espectadores domésticos. "Esperamos quando houvesse pessoas suficientes para comprá-los e assisti-los", afirmou Lucas no dia 13 na convenção Star Wars Celebration V, na Flórida.

Quando os filmes originais de Guerra nas Estrelas foram lançados em VHS, no início dos anos 1980, Lucas disse que as vendas foram lentas no começo. "Saímos com Guerra nas Estrelas logo no início do VHS e vendemos 300 mil cópias." Alguns anos depois, "estávamos vendendo 1 milhão, 2 milhões, 10 milhões". "Aprendemos com essa experiência que quando se chega cedo demais ao mercado, não há demanda suficiente."

No caso do Blu-Ray, há pelo menos o potencial de vendas em escala galáctica; um relatório recente da empresa de monitoramento DEG: The Digital Entertainment Group, informou que quase 2 milhões de aparelhos de Blu-Ray foram vendidos no primeiro semestre de 2010, aumento de 103% em relação ao ano anterior, para um total de 19,4 milhões desses aparelhos nos EUA.

Lucas disse as versões dos primeiros três filmes da série Guerra nas Estrelas - Guerra nas Estrelas, O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi - os incluídos na caixa de Blu-Ray serão os lançamentos da edição especial que foram exibidos teatralmente em 1997 e restaurados digitalmente para uma caixa de DVDs com definição normal em 2004.

Qualidade. Atentando talvez às reações de fãs que condenaram algumas mudanças feitas para os filmes da edição especial - como na troca de tiros entre Han Solo e um certo caçador de recompensas verde - Lucas disse que lançar as versões originais desses filmes em Blu-Ray era uma "incoerência, porque a qualidade do original não é muito boa".

"É preciso fazer uma restauração completa do material, e digitalmente. É um processo muito caro. Portanto, quando transferimos para digital, só transferimos de fato a versão melhorada." Lucas garantiu que o lançamento em 2011 era a data mais cedo possível. (A caixa será distribuída pela 20th Century Fox Home Entertainment; a Lucasfilm não deu informações sobre preço nem se os filmes serão vendidos separadamente.) Isso, disse ele, resultou em parte do trabalho contínuo nos extras em Blu-Ray e em parte de fatores fora de controle.

"Já trabalhamos nisso há um bom tempo, mas eles ainda estão em preparação. Infelizmente, os lançamentos recentes têm prioridade sobre o que chamamos de versão clássica das coisas." / TRADUÇÃO DE CELSO M. PACIORNIK

QUEM É

GEORGE LUCAS

PRODUTOR E DIRETOR

Nascido em 1944, orientou o cinema americano para os efeitos especiais com o sucesso de Guerra nas Estrelas (1977). Fundou a Lucasfilm, empresa pioneira no desenvolvimento tecnológico da sétima arte. Tem uma fortuna estimada em US$ 3 bilhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.