O homem do rifle, por Tony Mann

Tobias Totz

Luiz Carlos Merten, O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2010 | 00h00

14H15 NO SBT

(Tobias Totz Und Sein Lowe). Alemanha, 1999. Direção de Piet de Rycker e Thilo Rothkirch.

Em fuga de caçadores, zebrinha vai parar no zoo administrado pelo personagem título. Lá, ela se liga a leãozinho que está querendo se apaixonar. Animação alemã, voltada para plateias infantis. Reprise, colorido, 72 min.

Saneamento Básico ? O Filme

22H15 NA GLOBO

Brasil, 2007. Direção de Jorge Furtado, com Fernanda Torres, Wagner Moura, Camila Pitanga, Bruno Garcia, Lázaro Ramos, Janaina Kremer.

Este é um filme que cresce com o tempo. No começo, foi visto como uma piada, e até decepcionante, considerando-se o currículo do diretor. Mas a história dos moradores de uma pequena cidade de colonização italiana no interior do Rio Grande do Sul comporta múltiplos níveis de leitura. Os habitantes querem resolver um problema de saneamento básico construindo fossas sanitária. A prefeitura alega que não tem dinheiro, mas há uma verba parada, do governo federal, destinada à realização de um filme comunitário. A solução é fazer o filme e capitalizar a verba para o verdadeiro problema. Humor inteligente, elenco afinado, boa diversão. Reprise, colorido, 112 min.

Intercine

3H15 NA GLOBO

A emissora exibe o preferido do público entre ? Comando Para Matar, de Mark L. Lester, com Arnold Schwarzenegger como coronel aposentado que volta à ativa para resgatar a filha; a garota foi sequestrada por ex-ditador latino-americano que quer forçar o pai a recolocá-lo no poder; e Embriagado de Amor, de Paul Thomas Anderson, com Adam Sandler como sujeito que recorre a um serviço de sexo por telefone e sua vida vira um inferno; seu cartão de crédito é clonado, ele é chantageado, etc.

Amanhã

A Globo exibe amanhã, no Intercine, o preferido do público entre ? Táxi, de Gérard Pirès, primeiro da série que arrebentou nas bilheterias da Europa, com Samy Naceri como taxista de ascendência árabe; o cara vive se metendo em confusões; do elenco participa Marion Cotillard, a Piaf (França, 1998, fone 0800-70-9011); e Anaconda, de Luis Llosa, com Jon Voight, Jennifer Lopez, Eric Stoltz, Ice Cube, Jonathan Hyde e Owen Wilson, sobre grupo de documentaristas que navega pelo Amazonas em busca de imagens da vida selvagem e topa com cobra gigantesca, capaz de engolir um homem; o filme é tão trash que chega a ser divertido (EUA, 1997, fone 0800-70-9012).

TV Paga

Sangue de Pantera

18H15 NO TCM

(Cat People). EUA, 1942. Direção de Jacques Tourneur, com Simone Simon, Ken Smith, Tom Conway, Jack Holt, Jane Randolph.

Primeiro filme da série de horror produzida pelo lendário produtor Val Lewton. Conta a história de homem atraído por mulher tímida e ela teme se apaixonar, justamente porque acredita ser vítima de maldição que poderá transformá-la numa pantera. O filme difere do atual terror violento e sanguinolento por apostar no poder de sugestão do cinema. A refilmagem com Natassia Kinski nos anos 1980 acentua o elemento sexual. A garota vira pantera quando excitada sexualmente. O cartaz do TCM é mais sólido. Reprise, colorido, 72 min.

O Outro Lado da Rua

22 H NO CANAL BRASIL

Brasil, 2004. Direção de Marcos Bernstein, com Fernanda Montenegro, Raul Cortez, Milene Pizarro, Laura Cardoso.

Corroteirista (com João Emmanuel Carneiro) de Central do Brasil, Marcos Bernstein estreou na direção com este filme sobre aposentada que vive xeretando a vida dos outros ? e denuncia pequenos delitos à polícia. Uma noite, ela acredita ter presenciado um assassinato no prédio ao lado. Quando a polícia declara ter ocorrido uma morte natural, Regina ? é seu nome ? resolve investigar por conta própria e se envolve com o suposto assassino. Há algo de A Janela Indiscreta no ponto de partida deste belo filme, mas Bernstein não é Alfred Hitchcock nem busca o suspense. Seu filme é mais uma investigação humana e social sobre a solidão e a marginalização da terceira idade na cidade grande. Fernanda Montenegro e Raul Cortez, dois grandes atores de teatro, desmentem a tese de que a turma do palco tem tendência a exagerar na tela. São um modelo de contenção, fazendo "menos" para expressar "mais". Reprise, colorido, 97 min.

Winchester 73

0 H NO TCM

(Winchester 73). EUA, 1950. Direção de Anthony Mann, com James Stewart, Shelley Winters, Dan Dureya, Stephen McNally, Charles Drake, Will Geer, Jay C. Flippen.

O primeiro grande western de Anthony Mann e um dos filmes mais influentes do gênero, no começo dos anos 1950. A narrativa cíclica mostra James Stewart em busca do rifle do título, que lhe é roubado no começo. O diretor Anthony Mann

e o roteirista Borden Chase centram a narrativa no conflito entre irmãos e o relato fica cada vez mais sombrio e trágico, até o memorável tiroteio final. Dois futuros astros aparecem em pequenos papéis ? Rock Hudson e Anthony (Tony) Curtis. Reprise, preto e branco, 92 min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.