O chamado

A Lua aproxima-se da fase Nova transitando pelo signo de Áries.

Quiroga, O Estado de S.Paulo

10 de maio de 2010 | 00h00

Atualmente, nossa humanidade divide-se em dois campos. Num desses há as pessoas que se alimentam de notícias alarmantes para corroborar a sensação de desastre iminente que habita em suas mentes. No outro estão as pessoas que foram além das duras circunstâncias que enfrentaram e se fortaleceram nas adversidades. É para elas que escrevo, exortando-as a que continuem entregando graciosamente o melhor de suas almas, sabendo que em troca não virão aplausos, mas pedradas. Que aos poucos se integrem para contra-arrestar a força daqueles grupos que promovem enfrentamento e violência, criando prejuízos à unidade da sociedade, mas mantendo-se unidos para que lhes caiam nas mãos o que os outros, desunidos, não conseguem segurar.

ÁRIES 21-3 a 20-4

A liberdade está disponível a todos, mas poucas são as pessoas que realmente a desfrutam, não porque não possam, mas porque não o desejam. Esse paradoxo é compreensível quando se vê que a liberdade requer disciplina.

TOURO 21-4 a 20-5

Quando a alma é tomada por desejos contraditórios, vê-se no dilema de qual deles valorizar mais. Esse dilema não deve tornar-se um exercício desgastante, porque, na realidade, há tempo para tudo. É só organizar-se.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Ainda reverberam os problemas suscitados por esses segredinhos sem importância, que se tornaram desproporcionais justamente por terem sido ocultos. Pois bem, agora é tempo de limpar essa área para superar as confusões.

CÂNCER 21-6 a 21-7

O relacionamento perfeito entre os seres humanos é, certamente, a amizade. Será que justamente por isso é tão difícil cultivar reais laços de amizade? Num mundo como o atual, não admiraria ser essa a razão.

LEÃO 22-7 a 22-8

Não fosse a imperfeição da natureza humana, que acarreta incontáveis erros e desvios, tampouco seria possível a liberdade de optar em vez de meramente nos abandonarmos às correntes misteriosas do destino.

VIRGEM 23-8 a 22-9

As discussões devem ser sinceras porque, do contrário, iriam se alastrar por tempo indeterminado. Somente quando as pessoas envolvidas na discussão falam a verdade a coisa pode andar. Do contrário, elas se perdem.

LIBRA 23-9 a 22-10

Quando tudo parecia ter ingressado num momento mais aprazível, lá vêm de novo as intimidações e ameaças a infundir temor. Porém, sua alma deve, a esta altura, ter conquistado mais presença e força. Faça uso delas.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Quando as pessoas se atrevem a olhar com confiança seus semelhantes, acabam incentivando todas elas a criem laços de cooperação mútua. A esse ideal se dirige a civilização, trabalhe com essa certeza.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Saber muito não é o mesmo que conhecer. Conhecer resulta de você fazer ligações entre as diversas informações. Isso só pode vir do esforço contínuo e da vontade de ter uma imagem ampla dos acontecimentos.

CAPRICÓRNIO 21-12 a 20-1

Faça valer os seus direitos, mas não ouse passar por cima dos alheios para impor os seus. Em questão de direitos individuais não há conflito. Se esse ocorrer, significa que algo artificial está em andamento.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Cada pessoa deve esforçar-se quanto puder, mas também deve cada uma delas tornar-se consciente do fato de que o esforço necessário, mas abandonado, se converterá no fardo de outrem. De quem será a responsabilidade?

PEIXES 20-2 a 20-3

O movimento será retomado a partir de agora e muitos assuntos que pareciam enterrados ou superados voltarão à cena. Valerá a pena, por isso, reconsiderar seus pontos de vista e posturas, tudo em nome de maior progresso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.