O bar Supremo vai deixar a rua Oscar Freire

O bar Supremo, um ponto de encontro de intelectuais, artistas e músicos que fizeram do porão do bar um espaço para shows experimentais, onde a cantora Maria Rita fez suas primeiras apresentações para o público, vai fechar na rua Oscar Freire e abrir em outro endereço. O local onde há 18 anos nasceu a banda Gueri-Gueri, um bloco pré-carnavalesco ícone da cidade, fundada Roberto Suplicy. O Supremo deve funcionar até o dia 10 de setembro. E depois disso, entrega as chaves para a grife espanhola, Custo Barcelona que fez sua estréia na São Paulo Fashion Week.

Agencia Estado,

13 de agosto de 2004 | 21h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.